Notice: Undefined offset: 1 in /home/siteem/public_html/plugins/system/k2/k2.php on line 702
Grupo de Pesquisa da Escola de Minas constrói casas sustentáveis a partir de rejeitos de barragens - Escola de Minas Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Acessos:
Incio do contedo da pgina
Últimas notícias

Grupo de Pesquisa da Escola de Minas constrói casas sustentáveis a partir de rejeitos de barragens

  • Publicado: Quinta, 25 de Fevereiro de 2016, 07h55
  • Última atualização em Quinta, 25 de Fevereiro de 2016, 07h55

Breno Reis

Casas populares sustentáveis estão sendo construídas próximas ao Campus, no Morro do Cruzeiro, resultado de pesquisas do RECICLOS – CNPq, Grupo de Pesquisa em Resíduos Sólidos, coordenado pelo professor Ricardo André Fiorotti Peixoto, do departamento de Engenharia Civil da Escola de Minas.

As casas foram idealizadas como protótipos e são elaboradas utilizando-se recursos que garantem a sustentabilidade, como reutilização de água, estudo de insolação (orientação para o norte), uso de energia solar e de cobertura verde, dentre outros. Além disso, o concreto, a argamassa, os blocos para alvenaria e para pavimentação são produzidos a partir de rejeitos retirados de barragens de mineradoras.

O Reciclos desenvolveu um processo de separação dos resíduos produzidos pelas barragens, popularmente conhecidos como lama, para a produção de elementos destinados à construção civil. A reciclagem vem como uma solução inovadora e eficaz em um momento em que todo o país pôde conhecer o que são os rejeitos provenientes da mineração e os riscos de sua armazenagem.

O projeto foi finalizado e entregue às mineradoras em 2013, e a reciclagem de rejeitos poderia estar sendo aplicada desde então, reduzindo consideravelmente os níveis das barragens. Segundo o professor Ricardo Fiorotti, “os rejeitos depositados em uma barragem como a de Fundão, que rompeu recentemente na região de Mariana, aqui em Minas Gerais, uma vez processados, seriam capazes de abastecer o consumo de areia de uma cidade de médio porte por alguns anos”.

A filosofia do grupo

O RECICLOS possui uma equipe engajada na ideologia do consumo consciente e acredita na reutilização dos recursos. Assim, promove o desenvolvimento de tecnologias que possam ser úteis na produção de elementos usados normalmente pela construção civil. Os estudos visam à busca de soluções técnica, econômica e ambiental de resíduos sólidos.

A equipe é composta por doze mestrandos, um doutorando, quatro alunas de iniciação científica, uma estagiária, um pesquisador e um técnico, além do coordenador, o professor Ricardo Fiorotti.

Diversos prêmios conquistados pela equipe mostram o reconhecimento de seu valor para a ciência e a comunidade, com soluções inovadoras e eficazes. Entre as premiações destacam-se: Prêmio do Concurso de Tecnologias Sociais do Banco do Brasil, Prêmio Instituto Falcão Bauer, Prêmio Péter Muranyi 2015 e o Prêmio Jornal Le Monde Diplomatique, na França.

Para realizar seus estudos, a equipe dispõe de um moderno laboratório de pesquisa, o Laboratório de Materiais de Construção Civil (LMC²/UFOP). Fomentado por agências como FAPEMIG, CNPq e CAPES, além de parcerias no setor privado, o laboratório possui equipamentos e tecnologia avançada na produção de resultados. Os dados obtidos nas análises no LMC² são utilizados em diversas pesquisas por alunos de graduação, pós-graduação e por professores com publicações nacionais e internacionais.

O grupo é parceiro da Fundação Gorceix, Arcelor Mittal, CAPES, CEFET-MG, CNPq, FAPEMIG, Green Metal Inc, MMX, PROPEC, PROPEMM, UFOP e Vale.

registrado em:
Fim do contedo da pgina